Feira Literária de Goiás neutraliza emissões com reflorestamento no Uatumã

 

Mais do que  se transformar na capital da literatura brasileira durante uma semana, a pequena Pirenópolis (no interior do estado de Goiás) pretende fazer isso de maneira sustentável. A cidade sedia, entre os dias 27 de maio e 1º de junho a quinta edição da FLIPIRI – Festa Literária de Pirenópolis, primeiro evento do estado a compensar suas emissões de carbono.

O evento traz como tema “LITERATURA E IMAGEM”, que destaca o papel das ilustrações no universo literário brasileiro, contando, inclusive, com a realização do I Encontro FLIPIRI de Ilustradores, iniciativa inédita dentre as demais festas literárias do Brasil.

Mas uma parceria curiosa chama a atenção: as emissões de carbono da feira (transporte de pessoas e materiais, gastos com  combustível, energia elétrica, produção de resíduos, etc) serão todas neutralizadas com o plantio de mudas na Reserva de Desenvolvimento Sustentável do Uatumã, situada no Estado do Amazonas, coração da Amazônia Brasileira.

A ação é resultado de uma parceria entre a organização da FLIPIRI e o IDESAM (Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável do Amazonas), criado há oito anos e que recentemente lançou seu programa de neutralização de emissões.

Como funciona – Para a neutralização de eventos, os pesquisadores do Idesam aplicaram questionários com os organizadores e, a partir disso, elaboram um “inventário de emissões”, que indica quantas toneladas de CO2 serão emitidas durante a realização do evento. A partir desse número, é possível verificar quantas árvores precisam ser plantadas para compensar os gases emitidos.

As emissões previstas para a FLIPIRI são de aproximadamente 10 toneladas de CO2. Para compensar essa quantia, serão plantadas 29 árvores dentro da Reserva.

A FLIPIRI

Com o patrocínio do BNDES e sob a coordenação da educadora e escritora Iris Borges, a 5ª FLIPIRI quer difundir o livro e a leitura no interior do País. E para isso, não tem poupado esforços. No ano passado, levou o escritor Luiz Fernando Veríssimo para uma palestra, encontro com os leitores e show no Teatro dos Pireneus. O autor gaúcho encantou a plateia e deixou jovens e adultos mais interessados na leitura. Em 2013, não deve ser diferente. O evento vai envolver não só as 11 escolas públicas e particulares da cidade, mas também as 10 situadas nos povoados vizinhos, em zonas rurais, e os alunos do campus da UEG – Universidade Estadual de Goiás na cidade. A FLIPIRI é uma promoção do Instituto Cultural Casa de Autores e da Prefeitura Municipal de Pirenópolis.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s