Cientistas criam técnica que transforma CO2 em combustível

Publicado originalmente em O Globo.

RIO — O dióxido de carbono é apontado pelos cientistas como um dos principais atores das mudanças climáticas, e uma nova tecnologia pode ajudar a reduzir os níveis desse gás na atmosfera. Um estudo do Departamento de Energia dos EUA, em parceria com a Universidade de Illinois, em Chicago, foi capaz de reproduzir o processo natural da fotossíntese e transformar o CO2 em energia renovável usando a luz solar.

2015_836239737-2015072794211.jpg_20150727

Plantas transformam o dióxido de carbono em energia pelo processo de fotossíntese – Fabio Seixo / Agência O Globo

De acordo com Larry Curtiss, químico do Departamento de Energia e coautor do estudo, um dos maiores desafios para as tecnologias de sequestro de dióxido de carbono é que o composto é pouco reativo, o que torna difícil transformá-lo em outras substâncias. Na natureza, quando as plantas capturam o CO2 da atmosfera e o transforma em açúcar, elas usam uma enzima como catalizadora orgânica. Em laboratório, Curtiss e sua equipe conseguiram reproduzir o processo com um composto metálico chamado disseleneto de tungstênio. Continuar lendo

Carbono Neutro e o Turismo de Base Comunitária: Conexão e Desenvolvimento

O Turismo de Base Comunitária (TBC) em Unidades de Conservação (UC) é um meio de estimular a conexão entre os visitantes e as comunidades tradicionais da Amazônia. Além de beneficiar as famílias diretamente envolvidas em atividades de turismo, como: pesca esportiva, pousadas comunitárias, gastronomia local e afins, tal atividade gera inúmeros benefícios indiretos, com a realização de atividades de apoio nas trilhas, nas atividades culturais, nos artesanatos, entre outras.

O apoio à implementação do TBC na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uatumã tem sido uma iniciativa independente do Programa Carbono Neutro Idesam (PCN). Em paralelo às atividades de plantio, o programa tem atuado na busca por parceiros que acreditam e colaboram com a promoção da atividade.

“O turismo é fundamental para aumentar a circulação de recursos entre as comunidades da UC, melhorando a qualidade de vida dessas famílias. É o mesmo objetivo do PCN e acreditamos na importância de somar esforços nesse sentido”, destaca Flávio Cremonesi, gerente do PCN.

Para destacar ainda mais essa conexão entre Carbono Neutro e o TBC, listamos abaixo quatro aspectos do PCN incluídos nos roteiros de turismo do Uatumã. Que tal conhecê-los de perto? Continuar lendo

Chiara Gadaleta: por uma moda mais conectada com a Amazônia

“Perdidamente apaixonada pela Região Amazônica”. É como se define a stylist e consultora de moda Chiara Gadaleta em suas últimas postagens do instagram. Entusiasta da sustentabilidade, Chiara encabeça o Ecoera, projeto que apoia a disseminação das práticas sustentáveis nos mercados de moda e beleza.

Recentemente, a estilista esteve na Amazônia – mais precisamente na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uatumã – para conhecer de perto o funcionamento do Programa Carbono Neutro, do Idesam. Criada em 2010, a iniciativa busca compensar emissões de carbono de eventos, produtos, pessoas e empresas através do plantio de sistemas agroflorestais, que geram renda para comunidades ribeirinhas.

Entre visitas aos sistemas agroflorestais, café da manhã na casa de ribeirinhos e mergulhos no rio Uatumã, Chiara teve a oportunidade de experimentar um pouco do cenário amazônico que já é rotina dos pesquisadores que trabalham no local, mas ainda está para ser descoberto pelo turismo de base comunitária (TBC), que vem sendo promovido pelo Idesam na região.

Acompanharam a expedição a empresária gaúcha Débora Tessler, parceira profissional de Chiara e sócia da Tsslr Conteúdo, e a engenheira florestal Isabele Goulart, nova integrante da equipe do Idesam recém-chegada de Piracicaba, interior de São Paulo. A viagem contou ainda com a participação de duas equipes de TV convidadas a divulgar o turismo na reserva. Entre eles estavam os jornalistas Vandré Fonseca, Barbarah Veiga e Fátima Santágata.

Para registrar a expedição (que também foi ‘CO2 Neutro’, diga-se de passagem), nada melhor do que deixar as impressões de quem vivenciou esse sentimento pela primeira vez. Listamos a seguir alguns dos melhores momentos publicados pelos nossos ‘turistas de base comunitária’ no Instagram.

Boa viagem!! Continuar lendo

16/10 – Dia da Alimentação

Por Luiz Felippe Medeiros Nogueira*

Hoje é o dia mundial da Alimentação. Tendo início em 1981, a data é celebrada em mais de 150 países, visando conscientizar governos, organizações e empresas sobre questões de alimentação e nutrição. A FAO (Food and Agriculture Organization – Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura) trabalha essas questões através de conferências por todo o mundo e tem como objetivo promover essa conscientização, além de arrecadar fundos para projetos e divulgação dos mesmos. E 2014 foi instituído como Ano Internacional da Agricultura Familiar, com o tema “Preço dos Alimentos – da Crise à Estabilidade”.

Como falar em alimentos no Brasil sem abordar um pouco a grandeza do nosso território? Com uma grande base agrícola, o Brasil avançou bastante na questão da nutrição e de alimentos de uns anos para cá. Continuar lendo

Ipanema e as novas inspirações

Por Flávio Cremonesi,

Ipanema, no Rio de Janeiro, inspirou por décadas os parceiros Vinicius de Moraes & Tom Jobim e a praia ganhou visibilidade pelo mundo.

Viviane_e_flavio_com_CERTIFICADO

Atualmente, a mesma praia que foi referência dos poetas, cria outra inovação num pioneirismo mundial. Os responsáveis por esse destaque são o IpaBebê Ipanema, no Posto 8, e o Idesam.

O IpaBebê é uma associação de pais e bebês que oferece um local de lazer e integração para seus filhos. Numa relação social e educativa em Ipanema, o IpaBebê, une a conservação ambiental no seu dia a dia também. Tal espaço é responsável pelo plantio de 5 árvores na Reserva do Uatumã, no Amazonas, tornando-se um empreendimento CO2 Neutro; ou seja, as emissões de carbono produzidas pelo espaço são compensadas com o plantio das árvores.

“Nós do Ipa Bebê Ipanema, acreditamos que com essa atitude e pequeno gesto poderemos melhorar nossa história e fazer bem ao planeta que é a nossa casa”, disse a proprietária do espaço, Viviane Oliveira.

O Idesam, via Programa Carbono Neutro, é o parceiro responsável pelo inventário das emissões dos Gases do Efeito Estufa (GEE), execução do plantio e monitoramento das árvores do IpaBebê, junto com as comunidades ribeirinhas na Reserva do Uatumã.

A parceria IpaBebê & Idesam inova no primeiro espaço na praia carbono neutro do mundo!

É a conexão sustentável “Ipanema – Amazônia”!